Foto: Discover Dominica
Pra lá, por quê?América
13/01/2017 | Nenhum comentário

Dominica, uma ilha selvagem no Caribe

Brasileiro tem intimidade de sobra com a República Dominicana. Vários já deram aquela passadinha ou, pelo menos, ouviram falar nos resorts de Punta Cana. Por isso é normal a confusão quando a gente cita Dominica. São ilhas, ficam no Caribe, têm nome parecido, mas não poderiam ser mais diferentes uma da outra.

Pessoas tomando banho de rio em Concord River Blog Vem Por Aqui

Banho de rio em Concord River

Ainda que o turismo seja uma das principais fontes de renda das duas, na República Dominicana ele é massivo, pasteurizado e tem como principal atrativo os hotelzões all inclusive e as praias de água azul. Já na Dominica a vida selvagem é a estrela.

Spanny Falls, cachoeira de Dominica Blog Vem Por Aqui

Uma das muitas cachoeiras de Dominica

O país tem pouca infraestrutura, faixas de areia curtas, mas também possui uma fartura de florestas, cachoeiras e lugares inusitados, como uma piscina natural onde há espaços divididos de água quente e fria.

Enquanto algumas cidades brasileiras já tem voo direto para Punta Cana, para chegar a Dominica é preciso fazer escala nos vizinhos (Barbados, Martinica, Porto Rico…).

No total, são 750 km² que abrigam 72 mil habitantes, 17 mil morando na capital, Roseau.

Igreja de Soufriére com cúpula vermelha e vários detalhes coloridos Blog Vem Por Aqui

Igreja de Soufriére, cidadezinha a 33 minutos de carro da capital

Fabiana Nigol foi quem me contou sobre a ilha, que tem vários vulcões ativos.

Fabiana com tripe e câmera na mão, em cima de um morro que dá vista para uma montanha e para o mar azul Blog Vem Por Aqui

A responsável por muitas imagens lindas do Nalu Pelo Mundo lembrou de Dominica assim que eu pedi a indicação de um ponto que fosse pouco explorado e merecesse a visita.

Praia com passarela de madeira em cima, Belinha e o pai na passarela de braços abertos Blog Vem Por Aqui

A família esteve lá em 2012.

Pato, Belinha e Fabiana numa piscina de água sulforosa Blog Vem Por Aqui

Com cinco anos de idade, Belinha detestava as cachoeiras de água fria e conseguiu encontrar uma queda d´água quentinha pra brincar.

Belinha na cachoeira de água quente Blog Vem Por Aqui

Nesse link você confere algumas cenas do programa.

Dominica não é um destino para qualquer um. Os textos da Karina Oliani e da própria Fabiana deixam claro que só quem tem espírito aventureiro se sente em casa por lá. Para os fortes, as recompensas são muitas.

Em Wotten Waven há uma variedade de spas de água termal.

Piscinas naturais no meio de um monte de rochas, num spa de Wotten Waven Blog Vem Por Aqui

Em Emerald Pool, a cachoeira com um lago de águas verdinhas.

Queda d´água caindo numa piscina de água verde com pessoa nadando dentro e rochas em volta Blog Vem Por Aqui

Em Bubble Beach, uma piscina natural de água quente pouco antes do mar.

Piscininha de água quente cercada por rochas logo antes do mar Blog Vem Por Aqui

Fabiana ainda indica outro ponto turístico.

Uma praia que chamava Champagne Beach, saia borbulhas no meio do mar, então você nadava no meio das borbulhas, superlegal!”

Ainda dá pra conhecer os descendentes dos poucos indígenas que sobreviveram à colonização europeia nas ilhas caribenhas. As matas fechadas ajudaram o povo kalinago a se salvar.

Belinha de rosto pintado ao lado de uma índia mais velha, fazendo artesanato Blog Vem Por Aqui

No Bilhete Premiado você encontra as principais informações sobre o país e seus atrativos.

O jornal O Globo também tem uma reportagem interessante sobre as belezas do sul do Caribe.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *