Ponto de vistaÁfrica
14/06/2016 | Nenhum comentário

Os jardins de Menara

 

Pavilhão do Jardim de Menara Blog Vem Por Aqui

A consultora empresarial Clarissa Rocha foi parar no Marrocos por causa do Atlético. Ela, o marido e um grupo de amigos conheceram o país africano mais próximo da Europa apenas porque foi lá que o Galo  jogou a final do Mundial de Clubes, em 2013. O time perdeu, mas Clarissa não deixou passar a oportunidade de explorar Marraquexe.

Andando pela quarta maior cidade do país, ela se deparou com os Jardins de Menara, uma construção do século XII que fica a cerca de 45 minutos a pé da praça principal, Jamaa El Fna. Os jardins têm um pavilhão diante de um lago, irrigado por um sistema hidráulico que tem mais de 700 anos e traz água direto das montanhas.

Eu achei bem agradável e interessante pela natureza diferenciada, com grandes coqueiros que harmonizam com os camelos que pousavam para fotos com os estrangeiros."

O verde leva um pouco de cor à metrópole marroquina que, não é à tôa, tem o apelido de Cidade Vermelha.

Apesar das construções terem uma estrutura totalmente diferente para nós, brasileiros, as cores, predominantemente em tons terra, não contribuem muito para as tornarem atrativas."

A entrada é gratuita, já para conhecer a parte interna do pavilhão é preciso pagar o equivalente a € 1.

Quanto à foto com os camelos, Clarissa recomenda cuidado ou muita vontade de tirar. Se você demonstrar interesse, os donos vão querer cobrar uma grana preta e não vão te dar sossego.

No site dos jardins você encontra os horários de funcionamento. No blog português Hoje Conhecemos tem outros detalhes e fotos. Já o Deixa de Frescura dá dicas práticas para quem vai visitar Marraquexe (é estranho, eu sei, mas em português se escreve assim…).

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *